Não Vamos Pagar Nada | Assista no Telecine


Em meados de setembro deste ano, tivemos uma alta nos preços dos itens básicos para a sobrevivência da população, já não bastasse toda a situação de pandemia, ainda tivemos que ouvir as autoridades brasileiras da administração pública proclamar que ''2020 é o primeiro ano em que um produtor de arroz lucra''. Poisé! A tais pessoas um pouco de noção seria ideal! 

Saindo da realidade, mas nem tanto assim, a comédia de João Fonseca ''Não Vamos Pagar Nada'' trata com graça os horrores de um país desigual e que estigma o pobre como alguém que não merece uma vida digna e que deve sempre estar em seu lugar de mão de obra extremamente explorada e mal paga. Estrelada por Samantha Schmütz, a produção tem estréia exclusiva no Telecine para depois chegar aos cinemas. 

Trailer


Ficha Técnica
Título original e ano: Não Vamos Pagar Nada, 2020. Direção: João Fonseca. Roteiro: Renato Fagundes. Elenco: Samantha Schmütz, Edmilson Filho, Criolo, Paulhinho Serra, Leandro Soares, Flávio Bauraqui, Fernando Caruso, Flávia Reis. Gênero: Comédia. Nacionalidade: Brasil. Trilha Sonora Original: Fabiano Krieger e Lucas Macier. Fotografia: Julia Constantini. Edição: Bernardo Pimenta. Distribuidora: H2O Films. Duração: 01h27min. 
Schmültz vive, na produção com roteiro de Renato Fagundes, Antônia. Uma mulher desenrolada e astuta que como muitos no país estão desempregados e sem o pão de cada dia. Correndo atrás da forma que pode e não deixando se abalar, Antônia se envolve em uma confusão sem fim, após ir ao mercado tentar fazer a feira da semana. Não só ela, mas toda a vizinhança chega ao lugar e tudo está com o preço alto e com regras novas: não haverá mais vendas para pagar depois, ou seja, ''fiado nem amanhã''. 

Revoltados, os consumidores iniciam uma rebelião e decidem saquear o comércio e a polícia é chamada para tentar apaziguar a situação. Porém quando esta chega nada restou por ali. Antônia por ser a última, ainda dá seus pulos para não ser presa e sai correndo com o que pode em suas sacolas, até mesmo carne enlatada para cachorro. Quando chega em casa, fica nervosa e não sabe o que fazer com os alimentos, muito menos o que vai falar ao marido João (Filho), mas esconde algo pelo quarto e o restante faz uma bola de pano e coloca por debaixo das roupas da vizinha Margarida (Reis) que estava a visitando. Logo, as duas vão ficar em apuros para responder se a barriga é de gravidez ou não, pois policiais estão averiguando o que ocorreu no mercado e entrando de casa em casa.


Momentos de diversão esperam o espectador que decidir dar o play nesta comédia tão Brasil e se ele prestar bem a atenção verá uma crítica leve a situação dificil da economia brasileira, ainda que o longa tenha sido rodado em temporadas passadas. Temos uma direção estreante que vem sem muitas intenções de levar mais do que alegria e os atores conseguem entregar performances maravilhosas. Samantha Schmütz e Fernando Caruso são figurinhas batidas da comédia global e são ótimos em realçar exageros cômicos. Edmilson Filho (Shaolin do Sertão e Cine Holliúdy) também é naturalmente engraçado e a cada fala e olhar faz você pensar que está falando com um vizinho matuto. Flávio Bauraqui aparece aqui como um dos policiais que investiga o saqueamento do mercado e seu personagem surpreende por ter o entendimento de que os pobres não deveriam passar por situações assim. Duas participações bem legais são do ator Paulinho Serra e do cantor Criolo. Ambos são ajudantes no mercado e tem cenas bem divertidas. A vizinha 'falsamente' grávida é vivida por Flávia Reis e a atriz tem muitas cenas com Schmütz tentando se salvar para não serem acusadas de ladras. Para isso até uma ''bolsa de vinagre'' surge no caminho.

Chame a família, prepare a pipoca e tenha certeza que a gargalhada é certa!

Avaliação: Três latas de carne homogeneizada (3/5)

Estréia exclusiva na Plataforma e nos canais TELECINE esta quinta-feira (15)!

Conheça o streaming (clique aqui).

See Ya!

B-

Escrito por Bárbara Kruczyński

    Comentários Blogger
    Comentários Facebook

0 comments:

Postar um comentário

Pode falar. Nós retribuímos os comentários e respondemos qualquer dúvida. :)